info@mundosemmuros.com

Viajar o mundo com pouco dinheiro?

vista à partir da Mesquita Süleymaniye

Matéria para o Blog GoHurb (hotel urbano) em 25 de março de 2019. Link original: https://tinyurl.com/y35xt552


Viver viajando pode ser sonho para alguns, mas e se eu te contar que para Aline e Renata isso é realidade? E o melhor, com muito pouco dinheiro. As duas jovens abandonaram toda a sua rotina no Sul do Brasil para desbravar um “Mundo sem Muros”. Confira aqui um pouco do nosso bate papo com elas:

Com o que vocês trabalhavam antes das viagens?

Aline, fotógrafa formada, trabalhava em uma empresa do ramo da fotografia há 4 anos e meio, exercendo diversas atividades, incluindo designers em geral, fotografia de eventos e foto produtos. Renata, biomédica de formação, estava desempregada e sem ânimo para seguir carreira nessa área.

O que levou vocês a escolherem largar tudo e viajar o mundo?

Eu, Renata, fiquei na Austrália de 2013 a 2015 para estudar e tinha a certeza de que voltaria para o Brasil e ficaria só até me formar. A partir da Austrália, tive oportunidade de viajar e conhecer muitos outros lugares incríveis. Me graduei em julho de 2016 e, neste período, não consegui nenhuma oportunidade de emprego na área. Em Agosto de 2016 conheci a Aline e já estava decidida a ir para Portugal. Aline já estava sentindo a mesma vontade de mudar de vida, foi basicamente um chamado dentro de nós duas. Neste meio tempo, sempre que podíamos, estávamos explorando algum lugar novo, fazendo trilhas, viajando por perto e em meio à natureza, que é o que mais gostamos.

mundo sem muros foto sopreposição

Como foram os primeiros passos? O que fizeram para começar a primeira viagem?

Em Julho de 2017, encontramos uma passagem promocional para Madrid, e não pensamos duas vezes, compramos! Sem nem mesmo planejar antes. Em 30 de outubro começamos a viagem sem data de retorno.

Não houve muito planejamento, apenas o básico: documentos para entrar na Europa, roteiro de 5 dias em Madrid – onde apenas conhecemos a cidade antes de ir para nosso primeiro Workaway (plataforma de trabalho em troca de hospedagem e alimentação) em Pinhal Novo, mais ou menos 1h de Lisboa.

Quais países vocês já conheceram? E qual mais gostaram?

Foram 10 países ao total, cada um com suas vivências únicas. Todos os países onde passamos (Espanha, Portugal, Alemanha, Egito, Israel, Jordânia, Chipre, Turquia, Geórgia, França) deixou algo muito especial e marcante. Desde um acampamento no deserto do Saara como uma longa caminhada nas paisagens deslumbrantes da Geórgia. Mas o Egito e a Geórgia foram os que talvez mais nos marcaram.

mundo sem muros em cairo

Qual cidade mais sonham em conhecer?

Sonhamos em viajar o mundo todo, praticamente para todos os países. Porém o que sempre mais toca a nossa alma, é estar no meio da natureza. No momento, estamos loucas para conhecer a Islândia.

Como fazem para se manterem nas cidades? Vocês trabalham?

Somos muito econômicas e sabemos fazer o dinheiro durar. Porém, já fizemos faxinas, vídeos e fotos, organização de evento, até mesmo já catamos latinhas do lixo para vender em Israel. Também já fizemos uma plaquinha escrito “help and support our world trip” (ajude e apoie a nossa viagem pelo mundo) e sentamos na rua com um copinho, quando a grana apertou.
Também temos algumas fontes de monetização online, como a venda de fotografias, afiliações através de nosso projeto, venda de produtos (luts, presets, ebook) e consultorias personalizadas para edição de vídeo. De forma online, também possuímos uma vaquinha e o Padrim (plataforma de financiamento coletivo), para os apoiadores do nosso projeto.

Vocês passam quanto tempo em cada cidade? Tem um cronograma?

Normalmente passamos um mês em cada país, mas realizamos alguns Workaways em que ficamos 2 ou 3 meses em cada lugar. Já em cada cidade, varia muito. Fazemos um cronograma uns dias antes de conhecê-la, sem nada muito planejado.

mundo sem muros capadócia

Como surgiu a ideia de criar o blog e o canal?

Surgiu pelo nosso anseio em produzir conteúdo visual e também ajudar outras pessoas com nossas próprias experiências. No Brasil, antes de iniciarmos a viagem, já tínhamos começado a criar nosso blog e fazer alguns posts sobre lugares que frequentávamos, com mapa, um vídeo curtinho e dicas em geral. Hoje, Renata acabou descobrindo uma paixão, produzir vídeos cinematográficos e melhorou muito na edição e captura das imagens. É muito gratificante poder inspirar as pessoas com nossas fotos e vídeos tanto quanto nós nos sentimos inspiradas por diversos trabalhos que já acompanhamos.

Qual tem sido a melhor parte de toda essa aventura?

Conhecer lugares, pessoas e culturas que nunca esperaríamos conhecer tão cedo, ou que parecia apenas um sonho. Há um aprendizado pessoal muito grande, uma viagem longa te faz aprender mais que a escola, faculdade ou o que os pais puderam ensinar. Acreditamos que o maior aprendizado seja acreditar mais em nós mesmas, na nossa força, de que somos capazes de fazer coisas que nunca imaginamos fazer, fora da zona de conforto e quebrando muitas crenças limitantes.

Atualmente vocês estão aonde e o que fazem por aí?

Retornamos ao Brasil final de dezembro de 2018. Estamos reestruturando o projeto para a próxima temporada e trabalhando bastante.

Nos acompanhe pelo Youtube:

E também pelo Instagram: @mundosemmuros

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *